Cartão presente e ICMS: entenda essa relação

A adoção de cartões pré-pagos em vários setores do varejo se tornou uma solução perfeita para o mercado brasileiro, que vem aumentando em muito o faturamento com novas opções de pagamento nos pontos de venda.

Um dos carros-chefe dessa tendência é o vale-presente ou cartão presente, que facilita para o consumidor na hora comprar e para a loja na hora de faturar.

Você sabia que não precisa pagar ICMS nesse tipo de transação? Hoje, nós vamos te explicar a relação entre cartão presente e ICMS. Confira:

Cartão presente: as vantagens que ele traz

O cartão presente pode ser encontrado em todo tipo de varejo pela comodidade que traz aos consumidores e por ser uma oportunidade de aumentar as vendas da loja.

Essas são as duas principais vantagens de adotar a solução:

Aumento de vendas em datas comemorativas

As principais datas comemorativas, como Natal, Páscoa e Dia das mães, dos Pais e das Crianças são conhecidas pela corrida até as lojas para presentear muitas pessoas ao mesmo tempo (família, amigos, conhecidos, colegas de trabalho).

A grande vantagem do cartão presente para o consumidor é aliviar o medo de presentear errado. Às vezes uma pessoa não conhece muito bem o gosto do chefe, mas sabe que ele frequenta uma determinada loja ou consome uma determinada marca.

O cartão presente é a melhor forma de mostrar carinho sem medo de decepcionar ou até ofender com a sua escolha, dependendo de quem está presenteando.

Atração de novos clientes

E esta característica do cartão presente é sua principal vantagem para o varejo. Ele é uma excelente ferramenta de marketing, porque não só divulga seus produtos como efetivamente atrai os consumidores para dentro da loja.

Muitos cartões presente são dados por clientes fidelizados para amigos ou parentes que nunca compraram naquele varejo. Além de ganhar pela venda do próprio cartão, a empresa ganha uma oportunidade de ouro para conquistar um novo consumidor.

Cartão presente e ICMS: entenda a relação

Se você está cogitando adotar os cartões e não tem certeza do ganho para o seu negócio, essa é uma informação que vai fazer você se decidir! Muitos gerentes em varejos não sabem, mas não há incidência de ICMS na compra de um cartão presente.

Isto acontece porque o cartão presente não é considerado um produto, mas uma troca de moeda circulante por um título ao portador. Nesse caso, a operação não resulta em circulação de mercadoria, é apenas uma transação financeira.

Essa é uma preocupação recorrente de gerentes financeiros por imaginarem que adotando a solução do vale-presente, estarão pagando o mesmo imposto duas vezes. O que acontece, na verdade, é que o ICMS só será cobrado quando o crédito do cartão for de fato usado para comprar um produto.

O cartão presente caiu no gosto dos consumidores brasileiros e se tornou uma solução incrível para aumentar o faturamento e atrair novos clientes. Quem sabe não é o que a sua empresa precisa para vender mais?

E agora que você sabe como funciona a relação entre cartão presente e ICMS, assine a nossa newsletter para receber mais dicas como essa diretamente no seu e-mail!

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.