O que é o cartão vale presente e como ele pode ajudar a vender mais?

Apesar da popularidade no varejo dos Estados Unidos, o cartão vale presente ainda está conquistando o seu espaço no Brasil. Pra quem não o conhece, ele se mostrar uma excelente forma de presentear alguém sem que, com isso, seja preciso se preocupar se a pessoa vai gostar ou não do item escolhido.

Em nosso post de hoje, vamos explicar o que é o vale presente e por que ele pode ser uma alternativa bastante interessante e lucrativa para o seu negócio. Confira:

O que é o cartão vale presente?

O vale presente é um cartão (digital ou físico) que funciona, basicamente, de forma pré-paga, ou seja, o cliente estipula um valor para carregá-lo – muitas vezes as lojas já estabelecem as faixas de preço disponíveis – e quem o recebe pode utilizá-lo em uma próxima compra.

Tipos de vale presente

O lojista pode disponibilizar em seu empreendimento diferentes tipos de vale presente. Entre as possibilidades, estão:

  • Compra de uma só marca (serviços ou produtos);

  • Compra em apenas uma loja (física ou virtual);

  • Compra na rede de lojas de uma mesma marca;

  • Compra em várias lojas de um grupo preestabelecido;

  • Compra online e/ou em lojas físicas;

  • Parceria com instituições de crédito ou débito (Visa, Master, American Express) para uso em qualquer loja que aceite a bandeira.

É importante notar que o vale presente também pode ser do tipo recarregável. Essa é uma facilidade que permite que novos valores sejam adicionados nele no futuro, sem que, com isso, seja preciso gerar um novo cartão.

Como utilizar o cartão vale presente em sua loja?

Após escolher o tipo de vale presente ideal para adotar em seu estabelecimento, coloque em prática algumas estratégias de marketing — de nada adianta ter este item em sua loja se o consumidor não o conhece ou nem imagina que você o vende.

Faça propaganda do vale presente

Para que as pessoas possam adquirir este produto em seu estabelecimento, é preciso que elas saibam da existência dele — elas devem ser apresentadas às facilidades e possibilidades dele. Crie ações promocionais em seus canais digitais (redes sociais, e-mail marketing, blog) e físicos (flyers, banners, folders) — treine também a sua equipe para que possam incluí-lo nos discursos de venda.

Além disso, quando uma pessoa adquire este tipo de item para presentear alguém, consequentemente mais pessoas conhecerão o seu negócio, pois o presentado terá que ir até a sua loja física ou virtual para trocar o valor recebido no cartão — podendo, até mesmo, se interessar por mais coisas que você oferece.

Prepare ações exclusivas

Que tal criar pacotes de produtos e serviços que só podem ser adquiridos com o vale presente? Esta é uma excelente estratégia para influenciar o uso dele e de levar em consideração a necessidade de giro do estoque da sua loja.

O vale presente pode, sim, ser uma ótima alternativa para quem está buscando uma nova forma de atrair uma base diversificada de clientes. E, ao mesmo tempo, oferecer a eles uma experiência de compra diferente e prática — caso essa experiência se mostre bem-sucedida, você contribuirá para a fidelização deles.

Portanto, que tal aproveitar o seu calendário de ações para investir nessa possibilidade? E se tiver alguma dúvida ou comentário sobre o tema, compartilhe com a gente. Queremos saber a sua opinião!

Para saber um pouco mais sobre assuntos relacionados às melhores práticas de mercado na gestão de empresas, dicas, ferramentas e metodologias, siga-nos em nossa página no Facebook e também no LinkedIn. 

Cartão Presente: uma ótima oportunidade para o varejo infantil

Presentear definitivamente é uma arte. Nosso artista, no caso aquele que presta a homenagem, precisa adentrar no espírito do homenageado, compreender todas as suas sutilezas, para só então escolher o presente certo. Agora, e quando falamos do espírito de uma criança? Para piorar a situação, uma criança do século XXI? Bom, nesse caso, o cenário é bem diferente.

Descobrir as preferências de uma criança envolve um esforço hercúleo que, na maioria dos casos, é completamente frustrado. Desenhos, jogos, super-heróis. Não dá pra saber o que se passa na cabeça dos pequenos. O quadro do artista, nesse caso, vira um verdadeiro quebra-cabeça que deve ser resolvido pelo engenheiro mais preparado. Mas, calma, há solução.

Certamente, o cartão presente é uma excelente oportunidade para quem atua no varejo infantil, afinal, os pais não conseguem mais acompanhar as preferências das crianças e preferem escolher apenas o fornecedor, não o presente.

Nesse post, você vai conhecer alguns dos principais motivos para investir nesse tipo de estratégia. Confira logo a seguir!

Garanta a versatilidade

O cliente que frequenta a loja tem a oportunidade de levar apenas uma lembrancinha ou um grande presente por meio do cartão presente, assim, você pode gerar um leque de possibilidades de negócios muito maior — o que certamente será revertido em mais vendas.

Em outras palavras, é possível conquistar o consumidor em qualquer tipo de data comemorativa ou ocasião, pois ele poderá presentear com o valor que bem entender, sem precisar perder tempo com o processo de escolha, o que, no caso das crianças, é bem difícil. Além disso, o cartão presente é um excelente item para gerar compras por impulso, àquelas feitas de última hora.

Aprimore seus hot spots

Toda loja possui os seus hot spots, ou bom em português, lugares quentes. São pontos no interior do ponto de venda onde o impulso para o consumo é maior, seja pela disposição dos produtos ou pela conveniência do momento. Um desses hot spots é o caixa, local destinado normalmente aos itens de menor valor, que geram as compras por impulso.

Certamente, o cartão-presente é um excelente produto para ser deixado próximo ao caixa, justamente pela versatilidade que expomos logo acima. No último momento, ainda sem saber ao certo o que procura, o cliente pode levar esse tipo de presente para algum parente, por exemplo.

Faça um convite para novas vendas

O cartão presente também pode ser encarado como um verdadeiro convite para novas vendas no varejo. Por exemplo, a criança recebe o cartão vale presente e precisa dos pais para efetuar a troca pelo produto que desejar. Ao chegar na loja, certamente se encantará com outros produtos, o que pode ser um verdadeiro impulso para novas compras.

Sem dúvidas, essa pode ser uma excelente maneira para aumentar o ticket médio do seu negócio, o que pode ser benéfico tanto para a empresa, quanto para os vendedores que desejam melhorar as suas comissões. O cartão presente, portanto, é uma solução crucial para melhorar os resultados do varejo infantil.

Gostou das nossas dicas para o varejo infantil? Gostou da ideia do cartão-presente? Então, acesse agora mesmo o nosso site e conheça as nossas soluções!

Cartão presente e ICMS: entenda essa relação

A adoção de cartões pré-pagos em vários setores do varejo se tornou uma solução perfeita para o mercado brasileiro, que vem aumentando em muito o faturamento com novas opções de pagamento nos pontos de venda.

Um dos carros-chefe dessa tendência é o vale-presente ou cartão presente, que facilita para o consumidor na hora comprar e para a loja na hora de faturar.

Você sabia que não precisa pagar ICMS nesse tipo de transação? Hoje, nós vamos te explicar a relação entre cartão presente e ICMS. Confira:

Cartão presente: as vantagens que ele traz

O cartão presente pode ser encontrado em todo tipo de varejo pela comodidade que traz aos consumidores e por ser uma oportunidade de aumentar as vendas da loja.

Essas são as duas principais vantagens de adotar a solução:

Aumento de vendas em datas comemorativas

As principais datas comemorativas, como Natal, Páscoa e Dia das mães, dos Pais e das Crianças são conhecidas pela corrida até as lojas para presentear muitas pessoas ao mesmo tempo (família, amigos, conhecidos, colegas de trabalho).

A grande vantagem do cartão presente para o consumidor é aliviar o medo de presentear errado. Às vezes uma pessoa não conhece muito bem o gosto do chefe, mas sabe que ele frequenta uma determinada loja ou consome uma determinada marca.

O cartão presente é a melhor forma de mostrar carinho sem medo de decepcionar ou até ofender com a sua escolha, dependendo de quem está presenteando.

Atração de novos clientes

E esta característica do cartão presente é sua principal vantagem para o varejo. Ele é uma excelente ferramenta de marketing, porque não só divulga seus produtos como efetivamente atrai os consumidores para dentro da loja.

Muitos cartões presente são dados por clientes fidelizados para amigos ou parentes que nunca compraram naquele varejo. Além de ganhar pela venda do próprio cartão, a empresa ganha uma oportunidade de ouro para conquistar um novo consumidor.

Cartão presente e ICMS: entenda a relação

Se você está cogitando adotar os cartões e não tem certeza do ganho para o seu negócio, essa é uma informação que vai fazer você se decidir! Muitos gerentes em varejos não sabem, mas não há incidência de ICMS na compra de um cartão presente.

Isto acontece porque o cartão presente não é considerado um produto, mas uma troca de moeda circulante por um título ao portador. Nesse caso, a operação não resulta em circulação de mercadoria, é apenas uma transação financeira.

Essa é uma preocupação recorrente de gerentes financeiros por imaginarem que adotando a solução do vale-presente, estarão pagando o mesmo imposto duas vezes. O que acontece, na verdade, é que o ICMS só será cobrado quando o crédito do cartão for de fato usado para comprar um produto.

O cartão presente caiu no gosto dos consumidores brasileiros e se tornou uma solução incrível para aumentar o faturamento e atrair novos clientes. Quem sabe não é o que a sua empresa precisa para vender mais?

E agora que você sabe como funciona a relação entre cartão presente e ICMS, assine a nossa newsletter para receber mais dicas como essa diretamente no seu e-mail!

epay Brasil lança cartão marca própria da Ri Happy

A epay Brasil e a Ri Happy (líder no varejo de brinquedos do Brasil) fecharam uma parceria comercial para a produção, distribuição e processamento de cartões presente em todas as lojas da rede. O cartão presente da Ri Happy, carinhosamente conhecido como “Happy Vale”, já está disponível para venda nas lojas físicas juntamente com outros cartões pré-pagos de conteúdos diversos distribuídos pela epay no Brasil.

A epay Brasil, empresa do grupo Euronet, presente em mais de 30 países e líder na tecnologia de cartões pré-pagos, fechou mais um contrato que amplia a área de atuação da empresa, desta vez chegando ao mercado de brinquedos. Através desta parceria, a epay viabilizou a produção, distribuição e processamento dos cartões presente da rede de lojas Ri Happy.

O cartão presente leva o nome “Happy Vale” e está disponível para os clientes nos valores de R$50,00 e R$100,00, podendo ser utilizado como meio de pagamento na rede varejista de brinquedos (exceto site e franquias). Uma ótima oportunidade para clientes presentearem a criança sem chance de errar: os pequenos poderão ir à loja, juntamente com o responsável portando o cartão presente, e escolher o brinquedo que desejam.

Para a epay é uma ótima oportunidade de aumentar a sua capilaridade num canal tão importante como o de “Brinquedos”. Os cartões pré-pagos estão cada vez mais disseminados em vários tipos de varejo. Atualmente redes de Supermercados, Lojas de eletrodomésticos, Livrarias, Drogarias e Moda, entre outros setores, já aderiram à solução trazida pela epay.

Conteúdo de terceiros

Com a Ri Happy, o contrato vai além dos cartões pré-pagos “Happy Vale”. A epay vai disponibilizar também outros cartões pré-pagos de conteúdos diferentes como Google Play,  Xbox Live, League of Legends, LevelUp, entre outros. Por se tratar de um serviço adicional ao cliente com alto valor agregado, os cartões pré-pagos trarão maior fluxo de clientes e rentabilidade à Ri Happy.


Sobre a epay

A epay é líder mundial em soluções pré-pagas. Empresa do grupo Euronet Worldwide, com ações na Nasdaq, está presente em mais de 30 países.

Especialista em produtos tais como: cartões presente, cartões para jogos online, assinaturas e créditos para conteúdos digitais, a epay Brasil tem como objetivo conectar marcas a consumidores por meio da tecnologia pré-paga, sem a necessidade de bancos e bandeiras de cartões de crédito. Google Play, League of Legends e Xbox Live são algumas das marcas que chegam ao consumidor final por meio das soluções pré-pagas disponibilizadas pela empresa. www.epaybrasil.com.br

Sobre o grupo Ri Happy

A Ri Happy, maior rede varejista de brinquedos do país, presente no mercado desde 1988, tem como preocupação ser mais do que uma rede de comércio e sim uma prestadora de serviços na área de lazer e entretenimento infantil. Em 2012, The Carlyle Group, gestor global de investimentos alternativos, adquiriu a Ri Happy Brinquedos e a PBKIDS e desde 2014 detém 100% de participação. O grupo Ri Happy / PBKIDS, líder no mercado de brinquedos, possui mais de 250 unidades espalhadas pelo Brasil empregando mais de 4.000 funcionários . Em  2013,  o grupo iniciou as atividades da marca Ri Happy Baby,unidade especializada da rede Ri Happy com produtos voltados para o público entre zero a três anos de idade, buscando ser a maior loja especializada em itens para bebês do Brasil . Os sites da empresa são: www.rihappy.com.br , www.pbkids.com.br e www.rihappybaby.com.br

 

Entenda como o cartão pré-pago irá mudar o mindset do varejo!

O cartão presente pré-pago vem, pouco a pouco, dissolvendo percepções equivocadas a seu respeito e mostrando que podem ser uma ótima oportunidade para marcas que desejam se destacar no mercado.

Basta perceber como empresas de destaque vem passando a utilizá-lo como uma alternativa para garantir maiores e melhores vendas, como a Netflix, as lojas Marisa, Nextel e a rede de supermercados Pão de Açúcar.

Já falamos aqui no blog sobre algumas tendências do varejo mundial para ficar de olho. No artigo de hoje, vamos falar sobre algo um pouco mais específico, o mindset no varejo. Explicaremos esse conceito e como ele pode ser influenciado de forma positiva a partir do uso dos cartões presente pré-pagos no varejo, inclusive ajudando a fortalecer a presença de uma marca.

Quer saber como aproveitar essa nova tendência? Basta continuar a leitura!

O que é mindset?

Para podermos começar o artigo, é fundamental explicar o conceito de mindset. O termo, de origem inglesa, é a união das palavras mind (mente) e set (que aqui pode ser traduzido como formato). Ele representa, então, a maneira de uma pessoa pensar e suas opiniões, criadas a partir de experiências passadas.

Esse mindset é uma ferramenta valiosa para todos nós. Se uma pessoa já quase foi atropelada ao atravessar fora da faixa e com sinal vermelho, nossa mente vai se configurar — a partir dessa experiência — para considerar apenas as alternativas mais seguras para atravessar a rua, para evitar perigos futuros.

Ele também vai ajudar a interpretar o que vai acontecendo à nossa volta: uma mente configurada para evitar o atropelamento na rua vai diretamente procurar por faixas de pedestres, esperar o sinal verde, olhar para os dois lados antes de atravessar e deixar de considerar espaços e momentos que impeçam a travessia sem segurança.

Influência do mindset no varejo

Só que você pode estar se perguntando qual a influência desse conceito para a sua empresa. A importância do mindset, para o mundo dos negócios, está justamente no poder que essa formatação da mente de um indivíduo — ou mesmo de todo um público — pode ter sobre a experiência junto a uma marca.

Por exemplo: considere uma pessoa deseja comprar um carro, depois de muito tempo juntando dinheiro. Na hora de escolher, antes mesmo de fazer a pesquisa para eleger marcas e modelos, ela quase que automaticamente acessa seu histórico relacionado a automóveis: problemas, opiniões de amigos e familiares, tudo aquilo que ouviu e marcou. E só a partir dessa base é que vai começar a buscar modelos e marcas possíveis para eleger seu companheiro de quatro rodas.

Na prática, o exemplo acima ilustra o poder do mindset no varejo: se uma empresa não consegue, efetivamente, estabelecer sua marca junto ao seu público-alvo e personas, ela nem chega a ser considerada. Ou seja, ele pode ter influência positiva (alvo de quem quer crescer) ou negativa sobre as suas chances de fechar negócios.

Só que se engana quem pensa que o mindset no varejo é um conceito apenas definido pelo seu público-alvo. Cada empresa e marca tem papel fundamental para construir e garantir percepções positivas por parte de seus possíveis consumidores.

É preciso ter sempre uma estratégia atualizada e forte, valendo-se das novidades que o mercado lança, para garantir que a configuração do pensamento das suas personas esteja sempre a seu favor. Como? Veremos uma ótima possibilidade a seguir:

A relação entre mindset e o cartão presente pré-pago

Falamos acima sobre o papel ativo de uma empresa para ajudar a estabelecer o mindset no varejo a favor da sua marca. E como o cartão presente pré-pago se encaixa nesse cenário? Os cartões pré-pagos representam um universo de possibilidades, entre as quais destacamos:

  • Aumento de visibilidade de marca – a marca que não é vista é facilmente esquecida, principalmente em um universo em que somos constantemente bombardeados por informações e propaganda nos universos real e digital;

  • Ampliação da oferta de produtos e/ou serviços – muitas empresas encontram dificuldades em criar oportunidades para atrair seus consumidores, às vezes pelo tamanho ou pelo tipo de negócio. Os cartões pré-pagos podem ajudar empresas a vender mais podendo ser oferecidos nos mais diversos estabelecimentos, entre mercados, lojas e drogarias;

  • Melhoria da experiência de compra – o público consumidor, em geral, não quer perder tempo para encontrar o que precisa, ou ter que fazer esforços para efetivar a compra. Os cartões pré-pagos permitem uma maior facilidade e comodidade na hora de satisfazer as vontades e necessidades do seu cliente.

Apenas a partir das possibilidades acima, já fica bem claro os benefícios do cartão pré-pago para revolucionar o mindset no varejo e ajudar uma empresa a se destacar e conquistar mais vendas.

E o melhor é que, por meio dessa possibilidade, todos os envolvidos saem ganhando: o público tem maior e mais fácil acesso ao que deseja, as empresas aumentam sua presença no mercado e os parceiros conseguem oferecer mais produtos.

Uma alternativa: cartão presente pré-pago com marca própria

E se estamos falando em revolução para ajudar a estabelecer e fortalecer uma marca, o investimento em cartão pré-pago com marca própria do varejo pode ser um valioso diferencial: quando um cliente usa o cartão da sua marca, há uma mudança de percepção sobre o que é e o que não é caro.

Como assim? É bem simples: ao mostrar a preocupação em estar presente de forma simples e rápida junto ao seu público, oferecendo uma solução prática, uma marca conquista mais valor para seus produtos e serviços, que acabam estando mais dispostos em comprar e se fidelizar. Isso, principalmente em tempos de incertezas econômicas, acaba sendo fundamental para garantir o sucesso.

E se você ficou interessado no poder que o cartão pré-pago tem no mindset no varejo, entre em contato com os nossos executivos e conheça mais.