Conheça 5 principais feiras do setor de varejo

Frequentar feiras de varejo é fundamental para os empresários que desejam aperfeiçoar seus negócios. Elas são excelentes locais para fazer networking, para conhecer outras companhias e aprender sobre inovações e transformações no mercado.

Com atrações como palestras e exposições, os eventos são muito relevantes, pois proporcionam debates sobre tecnologia e a relação dela com o varejo em diversos âmbitos.

Quais são as inovações, qual é o impacto para os varejistas e como se adequar ao novo modo de fazer comércio? Esses são assuntos quase sempre presentes nas feiras. Pensando nisso, separamos a seguir as 5 principais feiras do setor de varejo para você conhecer!

1. Feira Brasileira do Varejo

A FBV, Feira Brasileira do Varejo, teve sua primeira edição em 2013. Desde então possibilita a reunião de lojistas e fornecedores de várias áreas, como marketing, tecnologia, gestão, comunicação etc.

No evento, as palestras e exposições são voltadas para as lojas de varejo. A feira é organizada pelo Sindilojas Porto Alegre, cidade na qual também é realizada a FBV. Ela é uma ótima oportunidade para o empreendedor que deseja conhecer e firmar parcerias, se inteirar sobre o mercado e suas transformações.

2. VTEX Day

VTEX Day, organizada pela empresa VTEX, é um evento de varejo voltado para vendas multicanal. Ou seja, são as lojas que tem mais de um canal para se comunicar com o consumidor. Por exemplo, uma loja física que também disponibiliza produtos para os clientes por meio de e-commerce, redes sociais e marketplaces.

A VTEX é uma plataforma que dá aos comerciantes a possibilidade de cadastrar os seus produtos na internet, agregar formas de pagamentos, entre outros serviços. Então, os lojistas só precisam se preocupar com a venda.

O evento, realizado pela instituição, tem exposições e palestras sobre inúmeros temas, como gestão e apresentação de cases nacionais e internacionais.

3. Franchising fair

Esta feira é destinada para empresários, empreendedores e pessoas que desejam abrir um negócio franqueado. Ela tem palestras sobre oportunidades de negócio e como escolher a franquia certa, por exemplo.

Os expositores do evento são dos mais variados setores, como estudantil, alimentício, cosméticos etc. 

4. LATAM Retail Show

O Latam Retail Show reúne, na cidade de São Paulo, e-commerces, shopping centers, varejos e franquias de toda a América Latina. O evento surgiu da junção do Fórum de Varejo da América Latina, Retail Real Estate, Redesign, Digitailing e Fórum Internacional de Franquias. Todos esses eram organizados pelo Grupo GS& que decidiu uni-los e fazer um só megaevento.

Empresas de vários setores podem participar, seja do ramo alimentício, de vestuário ou turismo, por exemplo. O show tem diversas palestras que discutem variados temas, como marketing, inovação nas tendências de consumo, business com propósitos e valores etc.

5. National Retail Federation

A principal diferença deste evento para os outros da lista é que ele é realizado em Nova York, nos EUA. Sendo assim, ele pode antecipar o que vai se tornar tendência e influenciar os negócios de varejo no Brasil.

Lá são discutidos também como as marcas estão se reinventando na era digital. A feira ainda é interessante, pois apresenta as últimas tecnologias para os varejistas.

O empresário que decide participar da National Retail Federation poderá se encontrar com outros empreendedores de praticamente qualquer lugar do mundo. O evento pode provocar o surgimento de várias ideias para todos!

Essas são algumas das principais feiras de varejo que reúnem empresários e empreendedores do mundo todo e de diversos setores. Nelas é possível ter ideias, expor seu negócio, debater as mudanças e inovações no mercado.

Sendo assim, participar de feiras de varejo é essencial para quem deseja expandir e melhorar sua empresa. Portanto, o empresário deve escolher bem qual é a certa para seus objetivos!

E você, está pronto para frequentar algum desses eventos? Compartilhe este post com seus amigos nas redes sociais e ajude-os a ficar por dentro desses eventos!

Gostou de saber mais sobre as principais feiras de Varejo? Se você quer mais novidades, venha nos seguir no Facebook e no LinkedIn!

Futuro da loja física: como a tecnologia redefine o ambiente?

Na atualidade, a tecnologia já é uma realidade em todas as esferas da vida do indivíduo — seja no trabalho, em casa e na execução de atividades rotineiras. Ignorar a ascensão tecnológica, portanto, é fadar-se ao fracasso: e este é, também, o caso do varejo tradicional.

A loja física precisa estar preparada para atender o consumidor em seus anseios por agilidade e praticidade. Para se adequar ao novo panorama de consumo, oferecendo soluções que vão ao encontro das necessidades latentes do público, é preciso entender quais inovações são pertinentes ao varejo.

Neste post, você conhecerá um pouco mais sobre essas as possibilidades. Vamos lá?

Os novos desafios do varejo: como a tecnologia alterou a forma de comprar

Foi-se o tempo em que o consumidor, em função de sua limitada gama de opções, apressava-se em comprar o produto desejado assim que adentrava na loja.

Hoje, a dinâmica de consumo está totalmente diferente: o advento da tecnologia modificou hábitos e remodelou rotinas, forçando as empresas do setor a se adequarem a uma nova realidade para manter as vendas.

A TNS Research International apontou que, desde 2010, mais de 90% dos brasileiros pesquisam na internet antes de comprar qualquer produto ou serviço. E de acordo com um levantamento feito pela Boston Consulting Group (BCG), divulgado em 2016, investigar marcas, produtos e serviços pela internet já representava de 60% a 70% das pesquisas em sites de busca e redes sociais.

Mas, muito embora os números do comércio virtual sejam relevantes, a varejo tradicional ainda é o maior responsável pelo faturamento do setor.

Diante da expressividade dos dados, é impossível ignorar a agressividade da tecnologia. Por isso, as empresas varejistas precisam ser ágeis e proativas na implantação de soluções que ofereçam ao consumidor uma experiência de compra que se assemelhe ao ambiente encontrado na web: simples, rápido e conveniente.

Para servir a esse propósito, cujo êxito pode por certo proporcionar a alavancagem dos negócios, existem inovações voltadas especialmente à loja física. Chegou a hora de modernizar sua operação para conquistar e manter clientes fiéis!

A evolução da loja física: tecnologia para melhorar a experiência do consumidor

Diante das novas demandas de consumo, as lojas que forem capazes de se adaptar com mais velocidade certamente ganharão posições na escala de preferências do cliente. Para isso, é preciso estar atento às tendências para promover a satisfação.

Veja o que já está disponível no mercado para aprimorar a experiência de compra no varejo tradicional:

Sensores e sistemas integrados

As filas do caixa são um verdadeiro incômodo aos consumidores (principalmente os apressados). Para eliminar o problema e proporcionar uma experiência rápida de consumo, o teste com sensores e sistemas integrados são estratégias que vêm se mostrando bastante eficazes: indicam qual produto foi escolhido e debitam o valor correspondente diretamente do cartão de crédito do cliente.

Realidade virtual

Muito aguardada pelos brasileiros, o uso da realidade virtual no cotidiano de consumo está cada vez mais próximo. O intuito é proporcionar uma experiência de compra mais completa, simulando cenários e utilizações de determinados produtos ou serviços.

Robôs e máquinas assistentes

Que tal utilizar a extensa capacidade de armazenamento de um robô para aglutinar todas as informações sobre produtos em estoque, por exemplo? É isso o que essas máquinas se propõem a fazer.

Chega de aguardar longos minutos esperando para saber se aquele modelo de calçado está disponível em tamanho 38, por exemplo.

Interatividade

Na hora de comprar um batom ou uma camisa, variáveis como tom de pele e cor dos cabelos podem influenciar na harmonia final da produção. Não seria ótimo se fosse possível testar, em um simulador, qual seria o resultado da composição do visual valendo-se daquela cor específica? Por meio da interatividade, isso é mais que possível: isso já é real.

Que o futuro da loja física está intrinsecamente ligado à tecnologia, ninguém duvida. Como o seu negócio vai se adequar a este novo panorama? Fique atento às tendências e invista em inovação!

Gostou do conteúdo? Já teve alguma experiência com inovações tecnológicas no ponto de venda? Deixe seu comentário no post e compartilhe-a conosco!